BLOG SERTÃO

DIY: como construir seu próprio jardim vertical em casa




Você já ouviu falar sobre DIY? Abreviação inglesa para a expressão “do it yourself”, ou seja, “faça você mesmo”, é uma forma de colocar a mão na massa para tirar do papel algum projeto que exige trabalho manual – e que te ajuda a desenvolver habilidades. Você encontra diversos tipos de projetos DIY, que vão desde a criação de arranjos decorativos até a construção de seu próprio jardim vertical em casa. E é exatamente sobre este último que este post do Blog Sertão irá tratar!

Neste artigo, te ensinaremos como construir seu próprio jardim vertical e, assim, criar uma área verde interessante em algum cômodo da sua casa. O mais incrível é que você não vai precisar de muito material, nem de muito espaço. É só deixar a imaginação fluir e criar um cantinho cheio de vida para chamar de seu! Vamos começar?

DIY: como construir seu próprio jardim vertical em casa

Primeiramente, você sabe qual é o conceito de um jardim vertical?

Um jardim vertical é uma estrutura construída para cultivar plantas verticalmente em uma parede ou estrutura vertical. Também conhecido como parede verde ou jardim de parede, o jardim vertical é uma alternativa criativa para espaços externos e internos onde o espaço horizontal é limitado. 

Ele pode ser feito usando uma variedade de técnicas, como o uso de treliças, vasos suspensos, hortas verticais ou até mesmo sistemas hidropônicos. O objetivo é criar uma paisagem verde em uma área vertical, proporcionando benefícios estéticos, ambientais e até mesmo para a saúde, como a melhora da qualidade do ar e a redução do calor.

Agora que você já tem uma ideia do que é um jardim vertical e como ele pode ser feito em sua casa, vamos para o passo a passo!

DIY: como construir seu próprio jardim vertical em casa

1º passo: defina o local onde você quer construir o seu jardim vertical

Antes de começar a construir seu jardim vertical, é importante planejar onde você deseja instalá-lo. Escolha uma parede que receba luz natural suficiente para as plantas prosperarem. Verifique se a parede também é resistente o suficiente para suportar o peso do jardim vertical.
É importante, ainda, que você tenha uma atenção especial às espécies que vai escolher cultivar. Isso porque, dependendo do local de instalação do seu jardim vertical, você terá uma quantidade diferente de sombra e sol no decorrer do dia, e algumas espécies podem ser mais sensíveis. Algumas plantas, entretanto, suportam bem a variação de incidência solar e temperatura. 

Antes de definir a instalação, portanto, pesquise bem sobre as espécies de plantas e faça uma escolha mais certeira!

DIY: como construir seu próprio jardim vertical em casa

2º passo: separe todos os materiais necessários

Transforme sua casa em um oásis verde com nosso guia simples para criar um espetacular jardim vertical. Descubra a magia de trazer a natureza para dentro de casa com os materiais essenciais que tornarão seu projeto um sucesso.

  1. Estrutura Vertical: utilize painéis de madeira ou metal! Crie a base robusta para o seu jardim vertical. Escolha materiais duráveis e resistentes à umidade para garantir a longevidade da estrutura;
  2. Vasos: ao escolher um vaso para o seu jardim vertical, é essencial considerar o tamanho adequado para permitir o crescimento saudável das plantas, optando por materiais duráveis e resistentes à umidade, como plástico, cerâmica ou fibra de vidro. Certifique-se de que o vaso ofereça uma drenagem eficiente para evitar o acúmulo de água, além de ser leve, mas suficientemente robusto para suportar a estrutura vertical. A estética também é crucial, então escolha cores e estilos que harmonizem com o ambiente;
  3. Substrato para plantas: uma mistura de solo de qualidade é crucial para o sucesso do seu jardim vertical. Escolha um substrato leve, rico em nutrientes e adequado para as necessidades específicas das suas plantas favoritas;
  4. Plantas resistentes e de baixa manutenção: selecione plantas que se adaptem ao ambiente interno, com pouca necessidade de luz solar direta. Suculentas, samambaias e heras são opções encantadoras e fáceis de cuidar;
  5. Sistema de irrigação: facilite a rega com um sistema de irrigação automático. Tubos gotejadores ou um sistema de irrigação por gotejamento tornarão a manutenção do seu jardim vertical uma tarefa simples e eficiente;
  6. Ganchos e suportes de parede: certifique-se de fixar sua estrutura com segurança. Ganchos e suportes adequados garantirão que seu jardim vertical permaneça firmemente no lugar, criando um visual impressionante;
  7. Ferramentas básicas: tenha à mão ferramentas como furadeira, parafusos e nível para garantir uma instalação perfeita e duradoura;
  8. Adornos decorativos (opcional): adicione um toque pessoal ao seu jardim vertical com adornos decorativos, como pequenas lâmpadas, vasos suspensos ou elementos artísticos que complementem o ambiente da sua casa.

Crie um refúgio verde dentro de casa e deixe que a beleza da natureza floresça em cada canto do seu lar. Descubra a alegria de ter um jardim vertical que não só transforma visualmente seu espaço, mas também eleva o seu bem-estar. Comece hoje a jornada rumo a um ambiente mais verde e harmonioso!

DIY: como construir seu próprio jardim vertical em casa

3º passo para construir seu próprio jardim vertical: faça a montagem da estrutura vertical e coloque o seu plano em prática

Construa a estrutura vertical utilizando painéis de madeira compensada ou metal. Certifique-se de fixar firmemente os ganchos e suportes de parede, garantindo estabilidade. Pinte ou trate a estrutura conforme desejado. 

Com os vasos posicionados, prepare uma mistura de substrato leve e nutritivo. Preencha os objetos, deixando espaço suficiente para as raízes. Certifique-se de que o substrato tenha boa drenagem para evitar o acúmulo de água. Então, fixe os vasos na estrutura vertical, garantindo que estejam seguros e alinhados. Certifique-se de que a estrutura suporte o peso dos vasos e do substrato quando totalmente plantados.
Plante as sementes ou mudas nos vasos, seguindo as instruções específicas de cada planta. Distribua-as de maneira equilibrada, considerando o crescimento futuro. Regue levemente para estimular o enraizamento. 

Em seguida, ajuste o sistema de irrigação conforme necessário, considerando as necessidades específicas de cada planta. Monitore a umidade do substrato e faça ajustes conforme as condições ambientais.

Se você quiser, é hora de deixar a criatividade fluir: você pode preparar uma iluminação especial para o espaço, adicionar pequenos objetos decorativos e tudo mais que sua imaginação permitir.

Agora, pronto! Você tem um jardim vertical para chamar de seu! 

DIY: como construir seu próprio jardim vertical em casa

4º passo: curta o seu jardim vertical da melhor maneira!

Agora que seu jardim vertical está completo, reserve um momento para apreciar a beleza verde que você criou. Tire fotos, compartilhe nas redes sociais e, acima de tudo, desfrute do ambiente sereno que as plantas proporcionam.

Aprecie as cores, texturas e fragrâncias que agora fazem parte do seu espaço. Lembre-se de regar regularmente e realizar pequenas manutenções para garantir que seu jardim vertical permaneça exuberante e saudável. Curta a conexão única com a natureza que seu novo jardim vertical trouxe para o seu lar!

DIY: como construir seu próprio jardim vertical em casa

Ainda, importante: conte com a Sertão para encontrar alguns dos principais itens para essa construção. Você pode comprá-los em uma das nossas 18 lojas físicas no Mato Grosso do Sul ou pelo site. Acesse agora mesmo sertao.com.br ou vá em uma de nossas 18 lojas espalhadas pelo Mato Grosso do Sul. Parcelamento em até 10x sem juros no cartão, ou 24x no crediário.



Conteúdos exclusivos para inspirar você e a sua próxima compra, construção ou reforma.